.>
NOTÍCIAS
O QUÊ
assunto
QUANDO
2024
2023
2022
2021
2020
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
Alguns conteúdos desta seção estão disponíveis apenas para quem estiver logado.
Caso tenha acesso, faça seu login aqui
foto Ruth Klotzel
foto reprodução
foto Ruth Klotzel
foto reprodução
+11

No final dos anos 1970, os artistas Frans Krajcberg, nascido na Polônia e Sepp Baendereck, de origem Sérvia, fizeram uma viagem de barco pelo rio Negro, com duração de pouco mais de um mês. Krajcberg voltou várias vezes à Amazônia, viu a colonização e o desmatamento e passou a dedicar sua obra à questão ambiental.

"Quando teve o impacto da queimada, virou um ambientalista roxo. Ele aprimora seu discurso, no sentido de ‘eu sou um ambientalista, não sou um artista’", conta João Meirelles, ativista ambiental, colaborador e biógrafo de Frans Krajcberg.

Agora, no MUBE, a vida e a obra do artista tornado ativista, já tratadas num documentário e bienais dentro e fora do país, ganham novo fôlego, tendo como mote os cem anos de Krajcberg, nascido em 1921 e falecido em 2017.

Quem visita o Museu pode acompanhar a progressão da obra do artista em cerca de 160 trabalhos, dos quais mais de cem vieram do sítio Natura —uma casa construída no topo de uma árvore, onde Krajcberg morava, no sul da Bahia. Pinturas, gravuras e desenhos figurativos feitos desde o final dos anos 1940, antes de o artista vir para o Brasil, até o início da década seguinte, já em solo brasileiro. Em 1957, ele se naturalizou brasileiro

Em 1972, muda-se para Nova Viçosa, na Bahia, vivendo em meio a uma floresta de 10 mil árvores de espécies nativas que ele plantou, perto da praia. Foi lá em seu sítio Natura que encontrou a matéria-prima de suas obras, nos restos de troncos e raízes carbonizados por queimadas ou resíduos de desmatamentos.

A partir da flora brasileira, "criou uma arquitetura da natureza com sua obra, trazendo a questão ambiental como questão de ordem ética dentro da arte", acrescenta Diego Matos, curador desta exposição.

A mostra é imperdível!
 

SERVIÇO
FRANS KRAJCBERG: POR UMA ARQUITETURA DA NATUREZA
Até 11 de setembro; terça a domingo, das 11h às 17h
MuBE - Rua Alemanha 221, Jardim Europa, São Paulo
Grátis

REFERÊNCIAS
https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2022/05/floresta-com-obras-de-frans-krajcberg-ocupa-mube-em-grande-mostra-do-artista.shtml
https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2022-05/centenario-de-frans-krajcberg-e-celebrado-com-exposicao-no-mube
https://www.ebiografia.com/frans_krajcberg/
https://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa10730/frans-krajcberg

postado sob 2021, cultura, São Paulo

A celebração tradicional do aniversário de São Paulo não acontecerá este ano, devido à pandemia, mas muitos eventos serão adaptados para a versão virtual.

O tradicional Bolo do Bexiga — que sempre media aproximadamente um quarteirão e cujos pedaços eram disputados  por uma multidão —­ vai ter também uma versão virtual: um projeto no bairro coletou 467 vídeos curtos de pessoas com bolos ou outros doces em mãos, em suas casas, dando parabéns à cidade.
A ideia é que haja o bolo e ele siga sendo comunitário, mas virtual. Cada um come o seu, em casa”, afirma a jornalista Nádia Garcia.
O filme, com as mensagens enviadas por pessoas de qualquer lugar do Brasil, serão publicados no site. 

 

Os MUSEUS, CASAS DE CULTURA e outros grupos que produzem cultura também terão programação especial.
Veja algumas abaixo:

A São Paulo Companhia de Dança (SPCD) vai ao ar nas redes sociais, no dia 25 de janeiro, às 18h. O bailarinos dançam trecho de Odisseia, da coreógrafa Joëlle Bouvier, em frente do Museu de Arte de São Paulo (MASP), com trilha sonora original de André Mehmari e direção de vídeo de Alexandre Cruz, Inês Bogéa e Luciano Cury. Mais informações no site: http://spcd.com.br.

A Pinacoteca de São Paulo tem a PinaCanção, evento dedicado às crianças - uma história cantada entre pinturas, criada por Hélio Ziskind. A apresentação, que reúne música, teatro e artes visuais, dura 40 minutos e está disponível no site: https://pinacoteca.org.br/pinacancao/.

O Museu da Casa Brasileira irá promover no dia 25 de janeiro, às 10h, uma oficina de desenho on-line, pela plataforma Zoom, em homenagem ao aniversário da cidade. A intenção é compartilhar imagens, ideias, lembranças, afetos e desejos que giram em torno do imaginário paulistano. Mais informações no site: https://mcb.org.br/pt/ .

Na Pinacoteca, o público pode visitar o acervo do espaço, virtualmente: https://www.portal.iteleport.com.br/tour3d/pinacoteca-de-sp-acervo-permanente/
Veja também a visita guiada da exposição dos Gêmeos, pelos mesmos: https://youtu.be/_fRTGMnZ3xk

Para celebrar o aniversário da cidade, o MIS-SP lançará no próprio dia 25 de janeiro um selo especial de John Lennon, em parceria com os Correios, que parte de uma imagem cedida pelo fotógrafo Bob Gruen.
Confira as exposições virtuais do MIS: https://www.mis-sp.org.br/exposicoes/list/virtual

A Casa das Rosas terá a atividade “De perdizes às galáxias – O cosmopolitismo de Haroldo de Campos”, na própria segunda-feira, 25 de janeiro, pelo Zoom.
O evento acontecerá das 19h às 21h e a  inscrição pode ser feita neste link, até o dia do evento.

A Casa Guilherme de Almeida terá exibição do filme “Afro-Sampas”, acerca da presença africana na música brasileira e na capital paulista. Sábado, 23 de janeiro, pelo Zoom, às 15h. Informações e inscrições:  link, até o dia 22 de janeiro.

A Casa Mário de Andrade terá aula-show “Água do meu Tietê, onde me queres levar?” , no sábado, 23 de janeiro, pelo Google Meet, das 16h30 às 18h30. As inscrições devem ser feitas neste link até o dia do evento.

A Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha vai promover o sarau “Palavras de afetos: músicas e poesias de amor a São Paulo” – apresentação da cantora Luana Bayô, das poetas Mayana Vieira, Midria da Silva e do poeta Igor Chico.
O evento será no domingo, dia 24 de janeiro, das 19h às 20h, pelo Youtube das Fábricas de Cultura (link).

A Oficina Cultural Maestro Juan Serrano promoverá uma programação com atrações artísticas, gastronomia, literatura, música, grafite e teatro, entre outros, na segunda-feira, 25 de janeiro, das 10h30 às 16h30
Basta acessar a página do Facebook

Um feliz aniversário, São Paulo!

#culturaemcasa #culturasp

fechar