.>
NOTÍCIAS
O QUÊ
assunto
QUANDO
2024
2023
2022
2021
2020
2019
2018
2017
2016
2015
2014
2013
Alguns conteúdos desta seção estão disponíveis apenas para quem estiver logado.
Caso tenha acesso, faça seu login aqui
Pentes desenhados pelos quintos anos e produzido no Espaço Maker

 

Dizem os historiadores que o pente-garfo teve origem há cerca de 6 mil anos, na África. Sua simbologia contemplava as qualidades de uma pessoa, como sua origem e cultura.

Um dos livros escolhidos para adoção nos quintos anos em 2023, Os nove pentes d`África, de Cidinha da Silva, trouxe esse tema singular e atrativo, englobando questões identitárias e africanidades, a partir do resgate de memórias, ancestralidades e vivências que precisam ser preservadas, de modo a entender-se o passado, ressignificá-lo e compreender o presente. É necessário reconhecer a cultura africana como matriz de muitos saberes para além do próprio continente de origem, o que inclui, de forma expressiva, sua presença na formação da cultura brasileira.

Alunos e alunas dos 5º anos encantaram-se com a leitura dessa sensível obra de Cidinha da Silva, invocando lembranças e laços com entes queridos de muitas gerações. E, no nosso Espaço Maker, confeccionaram pentes, projetando um desenho personalizado e endereçado a uma pessoa escolhida entre seus afetos e memórias .

Com sua obra, Cidinha da Silva nos presenteia com pentes presentes cheios de passado que nos ajudam a destrinçar o futuro. Seus pentes são pontes de compreensão entre o que somos nós, negros brasileiros agora, nossos avós recentes e os tais ancestrais africanos. E ponte entre nós e nossos sobrinhos, os que vêm depois de nós. 
Chico César 

Em outro grupo do Fundamental 1, nossos 4os anos, a escritora Cidinha da Silva também se fazia presente, com a leitura do livro Kuami.

Quartos e quintos anos, por fim, celebraram essa importante autora por meio de um encontro, apresentando seus ditos e feitos relativos às duas obras, Os nove pentes d`África e Kuami. Pelos alunos dos quartos anos, músicas presentes na narrativa de Kuami foram levadas para o encontro e, pelos alunos dos quintos anos,  outros pentes, dessa vez para presentear os colegas.

Pentes presentes para os alunos dos quartos anos

 

Entre músicas e pentes, vívidas expressões de uma cultura de origem africana presente e potente, entre nós e na história da humanidade. Cada criança reconhecendo o seu lugar integrado nesse encontro de saberes e parceria.

Abaixo, registros da música O meu lugar, de Arlindo Cruz, feitos pelos alunos dos quartos anos.

 

+13
fechar